Dia 199 - Todo amor que lhe tenho

Hoje faz um mês e sete dias que meu último relacionamento acabou. Hoje ele está namorando. Passaram as juras de amor, mas esta afirmação estaria desconsiderando a mágoa que ele sentiu ao término da relação, eu também não estou considerando os meus motivos, que foram muitos e talvez para outro triviais.

Hoje repassei em minha mente as relações que ao longo dos anos foram ‘construídas’ e ‘desfeitas’. Todas as promessas eternamente insatisfeitas e todo o amor que se achou fora e que dentro se perdeu.


Hoje, não só hoje, percebo que não posso julgar aquele que a felicidade procura, sempre adiante. Comigo não é diferente.

Talvez eu tenha nele acreditado, mas não há mal em sonhar. Eu só queria que aquele mundo inventado existisse, que pessoas felizes não ficassem tristes e que o ‘eu te espero’ não fosse um... Até o próximo inverno...

Talvez eu soubesse todo o tempo que o verão iria passar... As muitas primaveras que tenho trouxeram-me um aprendizado a mais... muitos invernos sozinha, muitos carnavais, muitas juras rompidas e muitos amores banais... minhas primaveras me disseram e só agora eu acreditei...

Que aquele “todo amor que lhe tenho” não pertence a ninguém.







Comentários

gostei do texto, talvez por me identificar com a situação. amores vão e vem, vão e vem, com o tempo. mas "o amor", este fica na gente. sempre.

abraço
Brancamar disse…
Muito lindo seu texto querida Geo.
Sempre tenho saudade de passar por aqui, pelo muito carinho que tenho por ti desde os primeiros dias que te conheci, menina linda,com palavras umas vezes doridas, outras cheias de esperança, com um dom de escrever e transmitir mensagens de vida que me encantam.
Fica bem.
Beijinhos.
Branca
nathaliatheylor disse…
Estava lendo seu texto e lembrando que hoje estava pensando em algo parecido. Que tudo que a gente dedica a uma pessoa, todo amor, todas as promessas de nunca separar um do outro, tudo isso, de repente acaba, a vida segue em frente e amores que eram eternos, se desfazem em um segundo. É o ir e vir da vida. Mas eu acredito que um dia a gente encontra a pessoa certa, aquele que nao importa o inverno, sempre estará do seu lado. É preciso acreditar em Deus sempre, e jamais perder a fé Nele!! O amor existe, e uma hora ele aparece e nao vai embora mais!! Muito lindo o texto!! Deus te abençoe!! Beijo!!
Narayana Teles disse…
Adorei, percebo que não sou a única a passar por isso.

Eu começaria o texto assim: hoje faz uma semana... rs rs
Gostei daqui,

beijos Geo
Non puiden evitar deixar pegada do meu paso ao percibir reflexión tan sentida, fonda e magnificamente expresada.
Os camiños son tales, cando nos decatamos de que sirven para camiñar. Virán máis primaveras que traerán novas mensaxes e talvez non as saibamos interpretar ata a volta de máis anacos...
Gostei.

Deixo saúdos fraternos dende a Galiza irmá
Bruna Nascimento disse…
Oi, esta lendo seu texto e como puder ver tanto vc qnto eu e mtos outros passamos pela msm situação, lindas palavras que vc usou, amei seu blog florzinha...
Beijos de luz =*

Fica cm Deus!