Dia 336 - Tempos de Exclusão

Surpreendo-me com a exclusão...
Hoje é tão fácil excluir e ser excluído.
Disse Sim, exclui (deleta) que é muito fácil...
Disse Não, exclui (deleta) que é negativo...
Ficou calado, exclui (deleta) que está adormecido...
Falou demais, exclui (deleta) que aborrece...
Falou de menos, exclui (deleta) que empobrece...
Não se perdoa,
Não se compreende,
Não se coloca no lugar do outro,
Não há gente...
Que satisfaça aos padrões que se apresentam...
Tão exigentes (uii!!), exclui (deleta) que não é pra gente!
Ninguém quer "trabalho",
Querem resultado, horário...
Milionário,
Modelo de televisão,
Corpo violão,
A mente a gente dispensa, porque não se apresenta,
Não tira foto no banheiro...
A mente tem muito cabelo, atrapalha...
Dá muito trabalho "ler um livro, plantar uma árvore e ter um filho".
Eu, realmente, estou diferente...
Não consigo me adaptar a este ambiente de exclusão permanente.
Sou do tempo que se sentava para ouvir, conversar, respeitar o mais velho...
(Não importava a razão, o que valia era a prosa! Saudade!)
Mas, naquela época, tinha menos escravidão...
A TV era alegria, não filosofia...
O livro era a única informação, hoje facebook e google é solução...
E até pouco tempo em Blog se escrevia e todo mundo lia pelo prazer de partilhar e aprender...
Era lindo! Uma beleza! Mas... agora, em muitos, é cemitério do saber...
Guerreiros são aqueles que escrevem a seu coração, sem condição,
Pelo simples prazer de faze-lo...
Pelo amor as letras, as filosofias, aos escritores, as escrituras... aos sonhos...
Em respeito a quem lê e é tocado pelas palavras, muito mais do que pelas imagens.
Graças a Deus o Amor não se exclui! 
É flor que nasce até no deserto mais árido, entre pedras e cactus, é etéreo!
Eu poderia terminar com uma rima, mas, não...
Não tenho pretensão de ter razão...
E daí?! Escrevi por revolta, tristeza...
Escrevi em prol da beleza de apenas ser...
Mesmo que sem a rima para enfeitar...
Escrevi para registrar e isso não se poderá excluir (deletar!)...
Simplesmente porque pertence a mim.
Se gostou pode "curtir" sem clicar, compartilhar, comentar...
Se não gostou, desculpe, mas não poderá excluir... 
Se quiser, poderá voltar um outro dia...

E, quem sabe, haverá algo que apreciará...
Ou não!
Postar um comentário